Copywriting: Descubra o Poder das Palavras!

Tempo de leitura: 6 minutos

Copywriting: Descubra o Poder das Palavras!

Você tem dificuldades para vender produtos na internet?

As pessoas não clicam nos seus anúncios ou então não compram o que você oferece?

Esses problemas que você está passando provavelmente têm a ver com a falta de uso de técnicas de copywriting. Descubra o Poder da copy e veja como aumentar suas vendas na internet

O que é Copywriting?

O Copywriting é um conjunto de técnicas de escrita que buscam atingir um só objetivo: vendas.

O Copywriting é baseado em técnicas de persuasão que trabalham com as emoções das pessoas a partir do simples uso de palavras.

Compreender como funcionam as técnicas de Copywriting é importante, porque assim, você se aproxima de fazer vendas e esse é objetivo de quem trabalha com internet.

Onde usar o Copywriting?

As técnicas de Copywriting podem ser usadas em vários momentos na internet.

Você pode usar o Copywriting para escrever um artigo para blog que tenha como objetivo fazer com que o leitor acesse um link.

Você pode também usar o Copywriting para criar vídeos de vendas, sequências de e-mails e também anúncios em redes sociais. Aqueles que não conhecem essas técnicas, normalmente, acabam ficando para trás ou tendem a ter dificuldade em vender.

Chame a Atenção das Pessoas

O primeiro passo que qualquer copywriter (profissional de copywriting) busca é chamar a atenção das pessoas. Afinal de contas, para persuadir alguém, é preciso ter a atenção dessa pessoa.

Para isso existem diversas técnicas que podem ser usadas. Normalmente o começo de um vídeo ou de um anúncio é focado em uma grande promessa.

Veja agora alguns exemplos de promessas muito utilizadas:

• “Neste vídeo você vai aprender como você pode perder de 5 a 10 quilos por mês”.

• “Neste curto artigo você vai descobrir como pessoas comuns estão ganhando dinheiro na internet”.

No Copywriting, a primeira intenção sempre será chamar a atenção e para isso uma das melhores maneiras é através da curiosidade.

É por isso que, provavelmente, você já deve ter visto alguma apresentação que começa mais ou menos assim:

“Nesta rápida apresentação você vai descolorir o que essa garrafa de refrigerante tem a ver com a oportunidade de você emagrecer”.

Querendo ou não, isso acaba gerando uma curiosidade muito grande.

As técnicas de copywriting não servem somente para prender a atenção das pessoas. O objetivo de uma copy é muito claro: fazer vendas. Para isso é preciso conduzir quem está vendo ou lendo sua comunicação por meio de estratégias persuasivas para mostrar que aquilo que você está promovendo é de muito valor.

No entanto, é sempre bom ressaltar que nos primeiros momentos você não deve mostrar que está vendendo algo e nem fazer um discurso de vendedor.

Copywriting e os Gatilhos Mentais

Uma das principais técnicas de copywriting são os gatilhos mentais. Eles são reações automáticas do nosso cérebro quando ele encontra algum tipo de padrão.

Por exemplo, você já percebeu como que automaticamente você tende a escolher um local para almoçar baseado naquilo que as outras pessoas dizem sobre ele ou então pela quantidade de pessoas que já estão dentro do restaurante?

Conheça agora alguns dos principais gatilhos mentais.

Você também pode se interessar por este artigo no nosso blog.

Gatilho Mental da Aprovação Social

O conceito do gatilho mental da aprovação social diz que o ser humano analisa o que as outras pessoas estão fazendo para decidir, agir, ou acreditar em algo.

Normalmente utilizamos ainda mais esse conceito, inconscientemente quando estamos em um ambiente desconhecido ou de incertezas.
Esse conceito é usado em vários momentos e talvez você nunca tenha percebido.

Por exemplo, você já deve ter visto aquelas séries de comedia que usam um efeito sonoro artificial de risada toda vez que uma piada é contada.

Bom, muita gente questiona a utilidade dessa prática, mas a verdade é que ninguém tira essa risada porque ela ativa o gatilho mental da aprovação social usado no copywriting.

Inconscientemente, o seu cérebro entende que se pessoas estão dando risada daquilo é porque, o que você está vendo, é realmente engraçado.

Você pode usar a aprovação social de maneira muito simples em suas comunicações de vendas através de depoimentos de clientes satisfeitos.

Se o ser humano analisa o que as outras pessoas estão fazendo para decidir ou acreditar em algo, não há nada melhor do que pessoas falando sobre um determinado produto para ele se tornar confiável.

Gatilho Mental da Afeição

Outro gatilho mental muito usado no copywriting é o da afeição. O conceito dele é simples: é muito mais difícil se negar um pedido de pessoas as quais nós gostamos.

O gatilho mental da afeição é muito usado por grandes empresas quando elas pedem que você indique um amigo para elas oferecem os seus produtos.

Essa tática funciona porque quando alguém liga para você e fala que foi por indicação de um amigo seu, naturalmente, você se sente mais disposto a ouvir o que a aquela pessoa está falando.

Afinal, você não vai negar um pedido de um amigo.

Claro que não é em toda comunicação que você pode citar alguém conhecido das pessoas. No entanto, você pode fazer as pessoas gostarem de você, antes de ofertar algo a elas.

Existe algumas estratégias que fazem as pessoas terem uma grande probabilidade de gostar de você. A aparência, por exemplo, é um critério que as pessoas inconscientemente acabam levando em consideração na hora de fazer o julgamento de alguém.

Outro ponto importante é a semelhança. Quando alguém diz que é igual a você, provavelmente, você tem muito mais chances de gostar dessa pessoa.

É por essa razão que você sempre vê em vídeos de vendas na internet, pessoas contando suas histórias. O objetivo delas é gerar semelhança e por consequência ativar o gatilho mental da afeição.

Gatilho Mental do Compromisso e da Coerência

Outro gatilho mental muito usado no copywriting é o da coerência e do compromisso.

As pessoas querem ser coerentes com suas palavras, crenças, atitudes e ações, afinal, a coerência é valorizada pela sociedade

É por isso, por exemplo, que um restaurante apenas mudando sua abordagem, conseguiu diminuir drasticamente o número de cancelamento de reservas ou de pessoas que marcavam e não iam.

Antes o restaurante simplesmente marcava na agenda o horário reservado, no entanto, com a nova estratégia a atendente passou a pedir aos clientes que ligassem caso quisessem cancelar a reserva e esperava que eles dissessem ‘sim’ para esse pedido antes de terminar a ligação.

Como resultado os cancelamentos caíram drasticamente. Graças ao gatilho mental do compromisso.

Esses gatilhos mentais que você viu até aqui são apenas a “ponta do iceberg”. Existem muitos outros que você pode aprender a usar e assim multiplicar suas vendas na internet.

Para isso você precisa ter acesso ao melhor conteúdo sobre copywriting do Brasil. Descubra agora o poder da copy.

 

Copywriting: Descubra o Poder das Palavras!
Avalie esta postagem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *